GOLDINGS BERNSTEIN STEWART

25 novembro, 2013
O desafio é encontrar o equilíbrio em formas desconexas, assimétricas. Mesmo que exista uma linha de contorno direcionando os movimentos, qualquer deslize pode comprometer a meta. A dispersão deve ser mínima. É nessas horas que torna-se necessário conhecer os detalhes, reconhecer o improvável e estar preparado para o ataque certo, na hora certa, sem hesitação.

O organ trio formado por Larry Goldings, Peter Bernstein e Bill Stewart tem os elementos para essa aventura. Com outros trabalhos em paralelo como líderes ou sidemen, o grupo já grava junto há mais de duas décadas, com uma ampla discografia, e a sintonia que esses caras tem juntos é algo impressionante, vai além da Música.

Larry Goldings, Peter Bernstein, Bill Stewart

A inspiração de Larry Goldings é o organista Jimmy Smith. Como sideman já atuou ao lado de Maceo Parker, Michael Brecker, John Scofield, Harry Allen, e só gente grande. Teve seu nome indicado para o Grammy em 2007 pelo album Saudade (ECM), também um organ trio ao lado de John Scofield e Jack DeJohnette. Seu mais recente album é um trabalho em piano solo intitulado In My Room (BFM Jazz), com temas autorais e interpretações de Beatles, Brian Wilson e Joni Mitchell.
Peter Bernstein é onipresente no cenário novaiorquino, gravou um DVD no Smoke, fantástico clube de jazz local, onde sempre se apresenta nas terças-feiras de groove com o grupo do organista Milke LeDonne. Teve como mentor o guitarrista Jim Hall, uma das suas grandes influências. Atuou por muito tempo ao lado do organista Melvin Rhyne, tem um boa discografia e já contribuiu com sua guitarra no som de Joshua Redman e Brad Mehldau.
Bill Stewart ganhou muita expressão no grupo do John Scofield, o qual integrou entre os anos de 1990 e 1996. É também um músico muito atuante, tem suas baquetas em registros de Maceo Parker, Pat Metheny e Bill Carrothers, e afirma como suas grandes influências os bateristas Bernad Purdie e Idris Muhammad.

Larry Goldings, Peter Bernstein, Bill Stewart O último trabalho oficial lançado do organ trio foi gravado no Smalls, em NY, em uma sessão incendiária, registro de três noites em janeiro de 2011.